Goioerê, domingo, 21 de abril de 2019 ESCOLHA SUA CIDADE
02/02/2019

A soberana direção de Deus - Pr. Pedro R. Artigas

A soberana direção de Deus   - Pr. Pedro R. Artigas

A soberana direção de Deus

Pr. Pedro R. Artigas

 

 

Por mais que o homem pense que pode realizar todas as coisas sem o prévio consentimento divino está totalmente errado, e daí advém uma vida sem objetividade, pois tudo o que ele tentar ou fazer sem dúvida nenhuma resultará em erro.

Pode parecerestranho, mas esta palavra é uma realidade que deveria ser seguida letra a letra. Quando olhamos para a Bíblia vemos que ela nos conta a história do rei Josafá. E quem era esse rei? Vamos conhecê-lo para melhor sabermos sua trajetória. Josafá era filho de Asa, que era filho de Abias, que era filho de Roboão, que era filho de Salomão.  Quando olhamos para o texto bíblico vemos que Roboão não fez o que era reto aos olhos do Senhor, como está descrito em  2º Crônicas, capítulo 12, versículo 14: “E fez o que era mau; porquanto não preparou o seu coração para buscar ao Senhor”. Ele não conseguiu manter o reino unido pois não tomou o conselho dos anciãos que haviam vivido com seu pai, é certo que teria de haver esta descontinuidade no reino de Davi, segundo as palavras do profeta Aias.

Quando olhamos para o texto bíblico, notamos que o fato de o rei não seguir as orientações de Deus para seu reinado, todo povo sofria. Também hoje nós podemos dizer que quando o chefe da família não segue as orientações de Deus, toda a família sofre igualmente, pois onde não habita o Senhor da Glória o sofrimento é grande. Urge a necessidade de que a família especialmente o marido, ou a esposa em muitos lares, sejam seguidores fiéis das palavras de Deus.

Voltando então a Josafá, vemos que as primeiras providências do rei foram se fortificar contra Israel, atentemos para o fato que Israel era a própria casa, mas o mau exemplo era mais perigoso que as armas dos inimigos vizinhos. Vejamos o que o rei Josafá fez para Deus:

  1. seguiu a piedade deDavi  -
  2. buscou a Deus e guardou Seus mandamentos,
  3. rejeitou os ídolos de Baal e recusou praticar as obras malignas de Israel,
  4. sua coragem e fé levaram-no a destruir os postes ídolos,
  5. fundou uma obra missionária de educação religiosa,
  6. como consequência desta sua orientação aconteceu um verdadeiro reavivamento, cuja base na verdade é a pregação da Palavra de Deus, o estudo, e o ensino. E no caso de Josafá, houve a melhora geral do reino de Judá, com grande prosperidade e também pode acontecer conosco: o Senhor foi com Josafá, abençoando sua vida; o Senhor confirmou o reino, concedendo-lhe apoio popular e riqueza material; o terror do Senhor, impediu as demais nações de guerrearem contra Judá, trouxe paz e prosperidade.

Um outro pormenor que esta história nos traz à vista, é o fato de que quando  o rei;e  no momento atual, o esposo ou a esposa; está sob a orientação de Deus, todos procuram também viver sob esta orientação, e o exemplo disto está descrito na Bíblia quando conta a história de Josafá, seu exército era de homens valentes, esta expressão que aparece quatro vezes aqui sugere que o exército de Deus é composto de homens fortalecidos por Deus.

O conceito errôneo do mundo é que o homem pode todas as coisas sem a tutela divina, que tudo está ao seu dispor e que tudo ele pode. Outro fator o homem não impõe a Deus, ele é servo e Deus o Senhor.Vejamos como agiu o rei, não foi impetuoso como muitas vezes nós agimos, não vou atrapalhar Deus, pois coitado Ele já tem tanto que fazer e lá vamos nós de erro em erro pela falta de conversa e procura de Deus para todos os problemas e aflições.

A Bíblia traz diversos exemplos de como devemos agir.  Mostra reis que andaram segundo o coração de Deus, ou seja, tudo fizeram de acordo com a Palavra Divina, sem medo de errar, mas vimos também reis que fizeram tudo errado, agindo somente com suas emoções e motivações.Assim agindo nada conseguiram, ao contrário mais erraram que acertaram. Pensemos nisso, pois assim com certeza teremos vida e vida abundante, como Cristo nos promete no evangelho de João capítulo 10, versículo 10: “O ladrão vem apenas para furtar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham plenamente”.Shalom.

 

PUBLICIDADE

Fonte: Pr. Pedro R. Artigas

Pr. Pedro R Artigas

Pr. Pedro R Artigas

Escreve sobre Contato Pastoral

Pedro Rivadavia Artigas 

Pastor Metodista formado em 1985 pelo CEMETRE 

Especializado em Aconselhamento Familiar 

Formado em Técnico Químico em 1969 - Colégio Osvaldo Cruz - SP 

Especialização em Marketing pela ADVB - SP em 1974 

Atualmente aposentado Cultivando Orquídeas

Ler mais notícias

OPINE!

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. © 2017. Todos direitos reservados. Jornalista Responsável - Jairo Tomazelli - 0011632/PR

Desenvolvido por Cidade Portal